AD (728x60)

Copyright Text

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Mobile First Indexing - erros 404 cache Google são problemas para SEO?

Compartilhe
Quem é mais atento quanto a comportamentos do Google deve ter percebido que aumentou o número de sites que não são mais possíveis serem vistos dentro dos caches do Google. O que de início achei coincidência o fato do buscador aumentar a abrangência do Mobile First Indexing, agora é uma confirmação.


Se na sua conta do Google Search Console você foi notificado que à partir de uma determinada data o seu site teria rastreamento prioritário para dispositivos móveis, ao menos até a data desta postagem, vai perceber que o Google não exibe cópia em cache das suas páginas.

Exemplo de erro 404 cache Google


Logo, qualquer analista de SEO ou empresário se apavoraria e imaginaria que o site foi banido ou rebaixo. De acordo com John Mueller, do Google, disse que se o link do seu site de cache no Google retornar um erro 404, isso não significa que sua classificação será prejudicada nos resultados de buscas.

O que é cache do Google


O buscador, após indexar a página do seu site, cria uma cópia nos servidores para ser consultada, caso o site saia do ar.

Para visualizar a cópia, no campo de busca do Google, basta inserir cache:www.seusite.com.br.


Exemplo de o que é cache do Google


Essa cópia é utilizada nas estratégias de SEO para compreender como o buscar enxerga a página, verifica-se se há elementos faltantes, entre outros fatores.

O que é Mobile First Indexing

Desde março de 2013 o gigante de busca começou a implementar a novidade de maneira gradual.

Á partir de agora o buscador dá prioridade para a versão móvel do seu site, deixando a versão para computadores em segundo plano.

A consequência disso é que agora o seu site precisa ter cuidados redobrados no processo de otimização móvel, desde as partes técnicas do HTML até mesmo pelo conteúdo visível e respectivos posicionamentos e usabilidade do site.

O que diz o Google:

Para recapitular, nossos sistemas de rastreamento, indexação e classificação normalmente usam a versão para computador do conteúdo de uma página, o que pode causar problemas para usuários de pesquisa quando essa versão é muito diferente da versão para celular. A indexação em primeiro lugar para dispositivos móveis significa que usaremos a versão para celular da página para indexação e classificação, para melhor ajudar nossos usuários - principalmente usuários móveis - a encontrar o que procuram.

Outra afirmativa que vale ressaltar é que Mobile First Indexing é sobre como o buscador lê conteúdo, não sobre como o conteúdo é classificado.

Mesmo assim, se houver muita divergência na qualidade do seu site entre os dispositivos, tenho certeza absoluta que a tendência é perder posicionamento e tráfego orgânico.

Erros 404 cache Google - até quando?

Acredito que seja temporário até o buscador se ajustar sobre as recentes alterações de tratamento no processo de leitura e indexação das páginas.

Fato é que muitos empresários estão entrando em contato para relatar problemas de acessos e soluções de SEO para o caso.

Vamos sempre acompanhar as recentes alterações no algoritmo e estudar comportamentos para sempre oferecer soluções avançados no marketing de busca.

Marcações ou categoria: Artigos SEO, Marketing de Busca, Marketing Digital
Imagem do jornalista Paulo Augusto Sebin

Escrito por

Jornalista especializado em marketing de conteúdo e SEO. Atua em comunicação organizacional e otimização de conteúdos para mecanismos de pesquisas. Já atuou em jornal impresso, assessoria de imprensa e emissora de rádio.


0 comentários:

Postar um comentário

 

Melhores do mês

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga-me por e-mail

Por que confiar em Paulo Sebin?

  • Especialista em SEO com dezenas de projetos de sucesso.
  • Sempre trabalhou mais de 4 anos por empresa.
  • Certificações Google e Comunicação Social
Copyright © Especialista em SEO e consultor marketing digital - jornalista Paulo Sebin | Layout feito por Templateism.com