Pular para o conteúdo principal

Bloqueio do Whats App no Brasil ameaça marketing digital

Whats App no Brasil não é ambiente seguro para marketing digital

Pela segunda vez, uma determinação judicial ordenou que o aplicativo de mensagens mais usado no Brasil, o Whats App, fosse retirado do ar por 72 horas por parte das operadoras de telefonia de todo o país. A ordem judicial foi emitida no dia 02 de maio de 2016, pelo juiz Marcel Montalvão, da cidade de Lagarto (SE).

De acordo com o juiz, o pedido foi feito pela Polícia Federal, que pediu à direção do Facebook (proprietária do aplicativo) informações de algumas contas suspeitas de cometerem crimes relacionados a tráfego de drogas e pedofilia. A direção da empresa afirmou categoricamente que não tinha as informações solicitadas.

De fato, até pode ser verdade que o Whats App não tenha facilmente dados das mensagens trocadas, mas alguma maneira deve existir, pois toda criptografia tem uma chave de acesso.

Não vou entrar no mérito jurídico sobre o caso. Verdade é que há uma crise na justiça brasileira que possui uma legislação desatualizada com o surgimento de novas tecnologias.  Haja vista o aplicativo Uber, que gerou problemas institucionais em São Paulo. Não podemos esquecer interesses em jogo. O Whats App incomoda as empresas de telefonia celular, pois o aplicativo permite realizar ligações usando a internet, o que certamente gerou enorme redução aos telefonemas convencionais. Discute-se, inclusive, tributação ao aplicativo de mensagem. Tudo isso gera uma instabilidade judicial.

Whats App no Brasil não é ambiente seguro para marketing digital


As pessoas ficaram frenéticas com a impossibilidade de usar o aplicativo. Mas pequenos empresários sofreram um forte impacto e em muitos casos causou prejuízos. Pequenos lojistas mantém contatos com clientes por meio de grupos do Whats App, mostrando produtos, anunciando novidades, marcando encontros e eventos, entre outras ações publicitárias.

A instabilidade jurídica em relação a esse fato faz do Whats App um campo de incertezas para quem investe em marketing digital na ferramenta. Mostra, portanto, que usar comunicação via mensagens gera bons negócios.

Mas por que depender de um aplicativo externo ao sistema do seu negócio? Não é mais seguro e assertivo utilizar um sistema próprio para manter a comunicação de sua empresa com clientes?

Invista em um sistema de mensagens


O Whats App é popular. Porém, ter um aplicativo próprio de mensagens, que possibilita a criação de grupos com os clientes é a melhor maneira de garantir independência contra as instabilidades do Whats App. Lembrando que um dia o Orkut foi uma rede social enorme e mesmo assim chegou ao fim. O modo mais seguro é ter um aplicativo próprio. Basta investir no desenvolvimento, há empresas especializadas no assunto, e após, o desafio é divulgar para os clientes, fidelizando os contatos.

Comentários

Jornalista Paulo Augusto Sebin

Jornalista formado em 2009 pela Unopar. Desde 2011 atua na área de marketing digital, especialmente como especialista em SEO e produção de conteúdos otimizados. Também atua na otimização de conteúdo para estratégias de Inbound Marketing. Especializado em Marketing de Busca. Trabalhou em projetos de assessoria de imprensa para diversas empresas e comunicação comunitária, principalmente em emissora de rádio comunitária. Fundou jornal impresso destinado para grupo de empresários lotéricos de Londrina.
Selo de Certificados Google do Paulo Sebin
Certificado Inbound Marketing

Postagens mais visitadas deste blog

O que é SEO On Page e Off Page?

Links em fórum de discussão são ruins?

Texto para loja online - e-commerce

Como vender roupa infantil pela internet